República do CAPLEP

26.11.04

Tera-me

Tera Patrick é uma moça dedicada. Gosta de se dar de forma a não criar mau ambiente pelos sítios por onde passa. Nem sequer numa praia, numa manhã de sol quente que lhe aquece a pele morena.

Não evita um beijinho, um carinho, porque gosta do sabor a prazer. Sabe que a sua saúde está sempre em primeiro lugar, por isso o melhor mesmo é lambuzar-se em frutose e ácido cítrico bem quentinhos. E ela tem razão.



Vitamina C adocicada nunca fez mal a ninguém, e por estas alturas é óptimo para evitar as constipações e gripes. Mesmo à mão (ou melhor, boca) de semear, um dos melhores receituários homeopáticos, obviamente 100% naturais, que se podem encontrar: uma escolha de gourmet.



Para Tera, na verdade, uma esporradela é como amendoins, tem sempre gosto de quero mais. Ela saberá concerteza que "ens seminis" é energia, sagrado na forma como consegue transmutar-se em energia criadora. Desde sempre ela soube que boca doce é bom é...

Eu sei o que sou...



Que palavrão você é?


Façam vocês o teste também e descubram-se!

25.11.04

Maria Carinho

Se em vez dos músculos tivessem vencido as mamas da Mary Carey, em 2003, concerteza que os EUA seriam hoje um país muito melhor e a Califórnia um estado muito mais alegre.



Com 11.169 votos, ainda ficou no top ten. Eu também lhe ficava no topo se tivesse essa oportunidade. Além de serem naturais, também ficam bem nas fotos, e são fáceis de agarrar... no fundo, não há como errar.



A parte negativa é que aos cinquenta anos provavelmente irá acabar por ter de usar molas de roupa para (tentar) segurar as mamas, para que não arrastem no chão, mas isso são questões secundárias. O que interessa é que enquanto forem joviais conseguem acarinhar com extrema competência o amigo erecto.



Apesar de ser nova, na viçosidade dos seus suados 24 anos e 35 filmes feitos, a sua mina do amor hoje em dia já se assemelha mais, literalmente, a um buraco negro, daqueles que são capazes de engolir galáxias inteiras com estrelas, planetas e tudo incluído...



...mas o povo gosta, e agradece. Ela é uma daquelas miudas que consegue até mesmo devolver à vida o marsápio de um roto, na pasmaceira dum domingo à tarde. Mary, tu tens a damn of a blowing job! (E uns lábios de seda).




23.11.04

Miss piggy erotic in the house!!!!

Mais um blogger/Capleper que se junta á festa!!! Vamos lá abardinar com esta merda!!!
É mandar gajas e mais gaja!!

É para pessoal que sabe o que quer e do que gosta!!

úúúúúúú!!!!!



22.11.04

CAPLEP com saúde

Nós por aqui não menosprezamos o bem estar corporal e muito menos o bem estar emocional e até mesmo, por correlação, o total bem estar psíquico.




Para coordenarmos todas estes vectores, não existe porventura melhor desporto do que o Yoga. Ou Yôga se gostarem demais do mestre DeRose.



Ele há coisa mais deliciosa do que ver o nosso amigo marsápio a entrar das formas mais diversas, nos ângulos mais suspeitos pelos buracos mais obtusos de uma delicada contorcionista.



A posição «fio de prumo», que necessita de extremo equilíbrio, pode ser treinada durante os primeiros tempos com recurso ao nosso prestável mangalho, que nas primeiras sessões pode servir de calço de forma a que a menina nele se apoie.



21.11.04

A Letónia...

É assim a vida... Umas vezes em cima outras vezes em baixo! Depois de aturada refexão acerca de mais uma saida CAPLEP (a segunda para os menos atentos) e dos seus membros mais fieis, apraz-me em muito citar aqui dois dos chavões anónimos mais populares da nossa praça: "Estou sempre a aprender" e "Este não sou eu...", que eu julgava esquecidos e que ganharam nesta noite novos significados.
Perguntam-me agora os mais perníciosos "mas o que é que isto tem haver com o caso?". Passo a explicar, depois de mais uma noite passada entre amigos, alcool e mulheres desnudadas, constatei que só existe um único motivo para um homem mudar a sua linha de pensamento, alterar o rumo da sua vida e consequentemente, ou talvez não, alterar significativamente o destino de toda a humanidade: A Letónia!!
Quem diria que um pequeno País resultante de dilaceração do expoente máximo do comunismo, alguma vez iria ter tamanha importancia na vida de um (e quem diz um diz vários) pacato cidadão deste nosso cantinho á beira mar plantado?? As virtudes deste país estão representadas um pouco por todo o lado mas claramente exponeciadas nas suas filhas...
Estas irredutiveis habitantes têm a capacidade de nos cativarem com o seu profundo e felino olhar, quais sereias dos tempos modernos e desta forma mudarem para sempre as vidas de todos aqueles que foram bafejados pela sorte de um dia com elas privarem.
Sendo que o contacto estabelecido nesta minha inusitada experiencia, foi unilateral a todos os níveis possíveis e imaginários, toda esta situação vem apenas elevar esta trama a porporções megalómanas e dar um novo e talvez proverbial sentido às palavras quase gastas da frase "A carne é fraca...".
Tanto para dizer e apenas uma frase na mente ai Letónia...

20.11.04

Abertura oficial

Como o que mais gostamos por aqui é de pernas a abrir, aqui vai mais um par delas. :)



Este é o primeiro post deste blogue, e tudo o que for erótico ou pornográfico é bem-vindo. A começar pelas histórias e a acabar nas imagens. Pessoal, vamos lá a fazer merda e a abrir as hostilidades!